Voltar para conferencistas

Conferências

Calendário

  • Salvador

    2017

    15

    agosto

Camille Paglia

Ensaísta e crítica cultural

Paglia é uma das intelectuais mais influentes da atualidade e a principal teórica do “pós-feminismo”. Formada pela Universidade de Yale e com Ph.D. em língua inglesa pela mesma instituição, seus ensaios abordam as representações da arte na cultura ocidental e suas relações com política, sexo, religião e sociedade.

A partir de 1990, ganhou destaque ao analisar a interação entre sociedade e cultura em Personas sexuais, livro no qual discute sobre o paganismo na cultura moderna e a defesa ao poder criador da masculinidade e da homossexualidade masculina, além de criticar veementemente o feminismo. Apesar de possuir uma sólida e elaborada formação clássica, Paglia interessou-se pela cultura popular, valorizando o tema da cultura de massas no ambiente acadêmico. 

Desde 1984, é professora de Humanidades e Estudos Midiáticos na Universidade de Artes da Filadélfia. Seu método acadêmico é erudito, comparativo e descritivo, e seus ensaios, elaborados com uma linguagem forte e direta, alcançam grande repercussão midiática. Publicou os livros Sexo, arte e cultura americana e Vampes & vadias, entre outros.

Camille Paglia, em sua mais recente publicação no Brasil, Imagens cintilantes – Uma viagem através da arte desde o Egito a Star Wars, percorre a história das artes plásticas a partir de um conjunto de obras indicadas como representativas de movimentos, estilos e contextos sociais. Em 2017, lançou Free women, free men – Sex, gender, feminism, livro de ensaios ainda sem tradução para o português que celebra o feminismo moderno e defende uma forte aliança entre mulheres e homens. 

Galeria de Fotos

mais fotos
Voltar para conferencistas