Voltar para vídeos
0 visualizações
Ferreira Gullar
Traduzir-se

Ferreira Gullar, poeta brasileiro, explica como nasceu um de seus principais e mais autobiográficos trabalhos, “Traduzir-se”: “Uma parte de mim é todo mundo; outra parte é ninguém: fundo sem fundo”. Conferencista do Fronteiras do Pensamento 2015.

Fronteiras do Pensamento | Edição Karina Roman | Finalização Marcelo Allgayer | Tradução Marina Waquil e Francesco Settineri