Voltar para conferencistas

Alejandro Zambra

Escritor
Zambra é considerado um dos mais relevantes autores da literatura latino-americana contemporânea. Aclamado pela crítica e pelo público, foi eleito pela revista britânica Granta como um dos 22 melhores jovens escritores hispano-americanos. Licenciado em Literatura Hispânica na Universidade do Chile e com doutorado em Literatura pela Universidade Católica do Chile, atua como poeta, romancista e ensaísta.

Fez sua estreia em poesia, com Bahía inútil, em 1998, e Mudança, em 2003. O autor trabalhou durante anos como crítico literário antes de tornar-se ficcionista. Em 2006, publicou pela editora espanhola Anagrama o seu primeiro romance, Bonsai, que recebeu diversos prêmios e tornou-se um sucesso. Adaptado para o cinema pelo diretor chileno Cristián Jiménez, o filme foi apresentado no Festival de Cannes em 2011.

A cidade de Santiago, as casas e o seu país são temas recorrentes de sua obra. É autor dos romances A vida privada das árvores e Formas de voltar para casa, e do livro de contos Meus documentos. Sua carreira sempre esteve vinculada à academia, e também é colunista de periódicos no Chile e colabora com o suplemento literário Babelia do jornal espanhol El País, a revista espanhola Turia e a mexicana Letras Libres

Alejandro Zambra defende que é preciso indagar quais os lugares ocupados pela literatura e o que significa ler e escrever hoje em dia. Seu livro mais recente, publicado no Brasil pelo selo Tusquets, é Múltipla escolha, romance que reflete sobre memória, educação, relacionamentos, política e desigualdade, utilizando o formato da Prova de Aptidão Verbal, aplicada no Chile de 1966 a 2002 para avaliar as universidades no país.

Galeria de Fotos

mais fotos
Voltar para conferencistas