Voltar para vídeos
0 visualizações
Kwame Anthony Appiah
Somos todos forasteiros

Kwame Anthony Appiah, teórico cultural ganês, discute a importância do olhar distanciado, de um forasteiro, sobre uma nova comunidade. Ainda, argumenta que há benefícios em ser nativo de outros lugares que não dos grandes centros do mundo, pois existe um esforço maior da população para saber informações sobre os locais que ditam as tendências. Ele exemplifica: todos sabem quem é o Presidente dos EUA, mas quantos norte-americanos sabem quem é o Presidente do Brasil? Conferencista do Fronteiras do Pensamento 2013.

Fronteiras do Pensamento | Produção Telos Cultural | Produção Audiovisual Okna Produções | Documentário Por mais que eu te leve pelos caminhos | Direção e Edição Marcio Reolon | Direção de Produção Gina O'Donnell | Tradução Marina Waquil e Francesco Settineri