Voltar para Notícias

Envie uma pergunta a Carl Hart

As ideias que movem o mundo em um único lugar. Cadastre-se e receba mensalmente o melhor do Fronteiras

Cadastrado com sucesso

Em uma oportunidade única no Fronteira do Pensamento 2021, o neurocientista e psicólogo americano Carl Hart realizará duas conferências presencialmente e ao vivo, no dia 22 de novembro, com início às 19h, em Porto Alegre, no Salão de Atos da PUCRS (Av. Ipiranga, 6681 - Paternon), e no dia 24 de novembro, com início às 19h30, em São Paulo, no Teatro B32 (Av. Brigadeiro Faria Lima, 3732 - Itaim Bibi). 

Envie uma pergunta para Carl Hart até 21/11, domingo,  pelo Whatsapp da Central de Relacionamento - 11 93775.5752 - ou por mensagem via Facebook ou Instagram. Divulgaremos a resposta na conferência e no dia 25/11, em nossos canais digitais, oferecidos pela Braskem.

Inscritos na Temporada 2021 assistem à conferência virtual dia 24/11 na plataforma e têm 60% de desconto na aquisição do novo evento presencial. Acesse o SITE, saiba mais e garanta o seu lugar! Seguiremos todos os protocolos de segurança sanitária para tornar a sua experiência ainda mais única!

Carl Hart é um dos mais reconhecidos e instigantes neurocientistas da atualidade. É um dos primeiros professores de ciências afro-americanos permanentes na Universidade de Columbia, onde leciona desde 1998.

Seu percurso de formação intelectual como cientista e sua posição em relação ao consumo e os diferentes efeitos de diversas substâncias psicoativas, não só como consumidor, mas especialmente como cientista, são destacadas pelo pesquisador e professor de filosofia na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) Daniel Omar Perez, que organizou sua Aula Preparatória na Plataforma Digital do Fronteiras do Pensamento. Ele também destaca o trabalho científico e acadêmico realizado por Hart durante décadas, baseado em experiências quanto aos efeitos farmacológicos e comportamentais de substâncias psicoativas em pessoas adultas.


A área de especialização de Hart é a neuropsicofarmacologia e seu principal foco de pesquisa está centrado nos efeitos comportamentais e neurofarmacológicos de drogas psicoativas em humanos. Em 1999, começou a investigar os efeitos do crack no comportamento e, em 2009, recebeu bolsas de pesquisa totalizando mais de US$ 6 milhões do National Institute on Drug Abuse nos Estados Unidos. Suas pesquisas são baseadas em experimentos com humanos e conduzidas em seu laboratório no Instituto Psiquiátrico do Estado de Nova York, um hospital localizado no Centro Médico Irving da Universidade de Columbia.

Seus estudos o levaram a tratar dos possíveis benefícios do uso responsável por adultos, e ele argumenta que o maior dano das drogas decorre de sua ilegalidade. Seu livro mais recente, publicado no Brasil em 2021, é “Drogas para adultos”. Seu texto destaca como resolveu não se calar frente à ideologia moralista e punitiva que cerca o tema das drogas. Para ele, muitos pesquisadores atuam sob o manto do preconceito quando o assunto é o uso de drogas e, desta forma, impedem a adoção de novos tratamentos e políticas humanas mais saudáveis.

Ainda dá tempo de garantir a sua inscrição na Temporada 2021 do Fronteiras do Pensamento.